Carregando tradução..
Carregando...
(11) 94000-2314 WhatsApp
(11) 2743-5163 Fixo
(11) 3637-4698 Fixo
Atendimento Online
Links Úteis
Receita estuda reajuste na tabela do Imposto de Renda. A Receita Federal tem estudos prontos para o reajuste da tabela do Imposto de Renda Pessoa Física. Os técnicos só aguardam a solicitação das áreas políticas do governo para encaminhar à Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional proposição legislativa sobre o reajuste, afirmou o secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Barreto. "Temos estudos e estamos prontos para fazer qualquer ajuste", disse. O governo só deverá enviar a proposta de reajuste da tabela do Imposto de Renda ao Congresso Nacional depois da aprovação do salário mínimo de R$ 545 no Senado. O valor já foi aprovado na Câmara dos Deputados. Na semana passada, o ministro das Relações Institucionais, Luiz Sérgio, afirmou que assim que o valor do mínimo for aprovado nas duas casas legislativas, a correção de 4,5% da tabela será enviada. Caso haja a correção, o secretário da Receita garantiu que o trabalhador poderá descontar o que as empresas recolheram a mais na declaração de 2012 (ano calendário 2011). "Não trará prejuízo aos contribuintes porque, no ajuste anual, eventuais recolhimentos a maior em função da tabela anterior serão ajustados e compensados", garantiu Barreto. Segundo ele, não dá para retroagir e calcular tudo novamente por ser uma operação complexa. Sobre a desoneração da folha de pagamentos, uma antiga reivindicação dos empresários, Barreto afirmou que há estudos na Receita Federal, mas que ainda não há definição sobre a proposta. Mesmo com os estudos, Barreto alega que não será fácil fazer os cálculos para a implantação das desonerações nos diversos setores da economia brasileira. "O impacto é diferente nos vários setores da economia. Não há modelo simples nessa matéria. Não há cálculo matemático que mostre simplesmente você tira daqui e põe ali. E eles passam sobretudo por questões políticas."
http://www.receita.fazenda.gov.br/

http://www.capital.sp.gov.br/portalpmsp/homec.jsp
Dilma autoriza capitalização de BNDES e CEF com transferência de ações. SÃO PAULO - O capital social do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e da Caixa Econômica Federal (CEF) poderá ser elevado com a transferência de ações da Petrobras e da Eletrobras. Decreto da presidente Dilma Rousseff publicado hoje no Diário Oficial permite que o BNDES receba até R$ 6,4 bilhões com a transferência de até 223,6 milhões de ações ordinárias da Petrobras. A Caixa poderá receber até R$ 2,2 bilhões, com o repasse de até 62,3 milhões de ações PN e 9,3 milhões de ações ON da Petrobras e 13,6 milhões de ações da Eletrobras. Em todos os casos, as ações a serem transferidas não alteram o controle da União sobre essas estatais. As ações serão transferidas pelo Tesouro após a aprovação pelos conselhos de administração dos dois bancos públicos. O valor dos papéis será o do fechamento de ontem, dia 16 de fevereiro. Se o BNDES e a CEF quiserem vender as ações da Petrobras, precisarão de aval da Presidência da República e, nesse caso, devem oferecer os papéis primeiro para a União. O ministro da Fazenda é que será encarregado de manifestar interesse na compra, dentro do prazo de 30 dias. Após o ministro confirmar a aquisição, o governo tem dez dias úteis para fazer o pagamento, à vista. O preço será formado pela média ponderada das cotações médias diárias das ações ordinárias da Petrobras nos 30 pregões anteriores à manifestação do interesse de compra.
http://www.caixa.gov.br/
Sindicato da Habitação
http://www.secovi.com.br
Cartório 24 horas
http://www.cartorio24horas.com.br
Code49 - Sistemas e sites para imobiliárias e corretores
http://www.code49.com.br
Imosoft - Software imobiliário mais completo do mercado
http://www.imosoft.com.br
Imovenda - Portal de imóveis em todo o Brasil
http://www.imovenda.com.br
Mais Imobiliárias - Portal de imóveis em todo o Brasil
http://www.maisimobiliarias.com.br
Correios - Consulta de CEP
http://www.buscacep.correios.com.br
Certidão negativa de débitos
http://www.receita.fazenda.gov.br/Grupo2/Certidoes.htm
Simulador Caixa Econômica Federal
www8.caixa.gov.br







enviando...